Segunda-feira, 27 de Abril de 2009

Se bem me lembro, esta era uma frase de um anúncio há anos atrás, de um banco claro, em que um gajo se vestia de Pai Natal e fazia publicidade a um cartão, com grandes probabilidades de ser de crédito. Belos tempos...para o crédito.

É com alegria devo dizer que escrevo este post. Ele irá expor o talvez maior aproveitamento que O português fez a uma invenção que não criou, ou seja, da mesma forma que o gajo que pensou que a Coca-Cola também servia para desentupir canos, O português pegou naquela bela máquina e pensou: "Eu acho que esta coisa do multibanco pode melhorar pah!". Foi o inicio de uma bela amizade...

Uma pausa para serviço público é necessária antes de continuar:

Os Multibancos, ou melhor, o Automatic Teller Machine (ATM) foi uma invenção dessa grande nação bancária que são os Estados Unidos da América por volta dos anos 30, por um tal de Luther George Simjian. Infelizmente, a ideia não pegou e as ATM so voltariam 25 anos mais tarde e noutro continente, o nosso, em Inglaterra mais particularmente.

Blá blá a Inglaterra fez isto, a Alemanha melhorou aquilo, os EUA reveram acoloutro. Enfim, até aos anos 80 a Europa, pelo menos, estava já cheia destas pequenas máquinas que poupam filas e filas de espera, menos em Portugal.

Foi no ano de 1985, em Setembro, que o nosso país decidiu aderir a esta "invasão" de máquinas de levantar dinheiro. Como bons portugueses que somos, talvez olhassemos para aquilo com bastante cepticismo.

Esta é capaz de ser a parte em que dizemos: "É o costume, sempre os ultimos!". Felizmente esta seria uma grande vantagem que soubemos aproveitar.

A vantagem de quem compra um PC hoje para uma pessoa que anda a melhorar o seu desde os anos 90 é evidente. Trabalho! Nem que seja o trabalho de trabalhar para ganhar dinheiro para pagar o trabalho que é necessário para melhorar o "trabalho" desse PC. O outro compra logo um novo e já está.

Enquanto os outros países europeus, andavam a testar novas funcionalidades para as suas máquinas obsoletas, Portugal entrou, através da Sociedade Interbancária de Serviços (SIBS), com a creme de la creme em software para estas máquinas. O sucesso foi estrondoso! Hoje o nosso Portugal é o país com a maior densidade de caixas automáticas por habitante em toda a Europa, onze mil e quatrocentas para ser exacto.

Com 60 funcionalidades (e sempre a aumentar!) segundo um estudo britânico (porque nunca está batido o estudo britânico), o Multibanco, nome só nosso e de orgulho por isso parem de dizer ATM!!, permite fazer operações que outros sistemas europeus não conseguem.

Segundo a Wikipédia, os Noruegueses, que toda a gente acha que são muito avançados e bla bla pardais ao ninho, só tem o ATM (para eles é ATM!) para levantar e depositar dinheiro, HAHAHA losers!

Sério, se um dia chegar a Presidente da República Portuguesa, o meu primeiro acto é condecorar a SIBS com a ordem do Infante!

Bom, portanto, porque estou eu a falar disto? PORQUE ISTO AQUI É UMA VERGONHA! Mal Deus sabe o sofrimento que esta gente apanha com os ATM. Passo a explicar.

Em Espanha não há um serviço de multibanco unitário, há portanto mais do que uma empresa a fornecer aos bancos o software para as suas máquinas, quando não têm os bancos o seu próprio software, o Barclays por exemplo. 

Sou apoiante da máxima que "a existência de concorrência permite o desenvolvimento através da competitividade" mas não neste caso. Não há nada melhor que um gajo de Olhão ir a Bragança e encontrar um cartãozinho de sorriso rasgado e olhos esbugalhados, com os braços abertos a dar as boas vindas. Querem maior exemplo da nossa hospitalidade?!

Aqui não, é logo primeiro "Que língua deseja?" Un Momento Por Favor (sim porque nem todas têm português!) "Su codigo Por Favor". Nem bom dia, nem boa tarde, nem um sorriso!! Só favores!

A piéce de résistance? Se não fores a um multibanco do teu banco, toma lá uma comisão! Ah pois é que isto paga-se! Então és do Santander e vens gastar a electricidade da Caja Madrid?? 3.00€ para cá amigo!

Não há desta gente ganhar mais que nós, com coisas destas a pagar espero bem que sim, para bem deles!


sinto-me com saudades do cartãozinho

vulgarizado por João às 15:46 | link da posta | explanar | ajuntar aos favoritos

3 explanações:
De Sandra a 28 de Abril de 2009 às 00:07

Como te compreendo! Nem sabes a minha surpresa quando pela primeira vez, fui a uma caixa multibanco e descobri que só podia levantar dinheiro e/ou saber o saldo. Na minha santa ingenuidade, pensei que o multibanco fosse igual em todo o lado. Embora já tenha viajado bastante, nunca tinha olhado para os multibancos com olhos de ver...
Ainda hoje me faz imensa impressão não poder carregar o telemóvel no multibanco...


De João a 28 de Abril de 2009 às 02:39
É que não se percebe! Se há prova de que os outros países têm demasiado orgulho em copiar as nossas coisas é esta. Esqueci-me de dizer que (finalmente!) a Caixa Madrid colocou um novo software nos multibancos de forma a se poder carregar o telemóvel e anunciam como se fosse a maior novidade desde o lançamento de D.Quixote! Somos um povo com bastante paciência =P
Obrigado mais uma vez Sandra


De Sandra a 28 de Abril de 2009 às 19:54
:)
nada a agradecer, o teu blog é muito bom e gosto muito da tua escrita:)

Sabes como carrego o telemóvel? Tenho de comprar no supermercado ou na papelaria, umas tirinhas de papel de 10 ou 20 euros, por ex., marcar um nº no telemóvel e introduzir o código que comprei. Ainda cheguei a ir à T-Mobile , mas tinha que ter passaporte (pq sou estrangeira) para usufruir do tarifário mensal que eu queria, sem estar dependente dos carregamentos. Ora, eu só tenho BI. Mas aqui eles trabalham sobretudo com o passaporte. Tenho que ver junto do consulado se posso lá tratar do passaporte.
Também vou ver como posso fazer para poder carregar via net.


explanar posta

Há um mito, em forma de graça, que alega que um espanhol apenas vai a Portugal para comprar toalhas. Este é um relato da estadia de um Estudante de Arqueologia em Erasmus em Espanha, e suposto produtor de toalhas.
mais coisas
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


postas frescas

Um novo começo!

Porque hoje é segunda...

Mira Tio!...o anúncio da ...

A "minha" Faculdade parte...

A minha homenagem às mães

Porque hoje é segunda (é ...

Sinto que estou num país ...

Mira Tio!...a minha facul...

"Quem não tem cartãozinho...

Porque hoje é segunda...

depósito

Junho 2010

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

tags

anúncio

atm

aulas

burbujas de amor

canção

cartão

cerveja

começo

dia da mãe

faculdade

madrid

mixta

multibanco

português

uam

todas as tags

links
blogs SAPO
subscrever feeds